https://www.google.com/adsense/new/u/0/pub-3159886379608766/home Pega o Mapa!: Nouméa, Nova Caledônia

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Nouméa, Nova Caledônia

Estamos no dia 21 da travessia EUA x Austrália. Passageiros exaustos, tripulação exausta, mas ainda temos um suspiro de alegria que é o nosso último porto antes de Sidney: Nouméa, capital da Nova Caledônia.


A Nova Caledônia tem uma história interessante... foi uma colônia francesa que hoje vive um modelo de autonomia bem diferente de qualquer outro país do mundo.

A Nova Caledônia é considerada um território francês ultra mar, o que significa que não é um país soberano. A França tem autonomia compartilhada sobre esse território e os novocaledônios podem morar em qualquer região da França. No entanto, desde 1998, as duas regiões assinaram um acordo que prevê a independência do arquipélago de forma gradativa, e funciona assim: a cada 4 ano, mais ou menos, alguns poderes são transferidos à Nova Caledônia e a França deixa de ter ingerência sobre eles. Economia e comércio internacional (a região é riquíssima em Níquel, um quarto da produção mundial) são dois dentre os poderes já administrados pela região. Os "pendentes" são aqueles principais de um país soberano: justiça, órdem pública, defesa, relações exteriores e controle monetário. Está programado para 2018 um referendo onde a população irá decidir se quer continuar anexa à França ou se passará a ser um país independente. Provavelmente iremos ouvir falar da Nova Caledônia muito em breve!

Agora, vamos ao que interessa na vida de um tripulante depois de 21 dias exaustivos de travessia: A PRAIA!

Quando desembarcamos no porto de Nouméa, um ônibus nos leva até um centro turístico, onde pegamos um outro ônibus que faz o famoso "hop on hop off", aquele onde você pode descer em qualquer ponto turístico e pegar outro ônibus com o mesmo ticket. Fomos à praia!


A cidade é bem charmosinha, limpa e organizada, pelo menos na área turística. 




A areia tem muita pedra, mas a água é clarinha e uma delícia!



Nouméa foi aquele porto delicinha que nos deu forças (drama) para mais 2 dias de mar antes de chegarmos em Sidney.

Nenhum comentário:

Postar um comentário