https://www.google.com/adsense/new/u/0/pub-3159886379608766/home Pega o Mapa!: PERU 7 - Cusco: Primeiras impressões

domingo, 1 de novembro de 2015

PERU 7 - Cusco: Primeiras impressões

No momento de embarcarmos de Lima para Cusco já foi um susto: o avião é minúsculo, daquele tipo que você olha e diz: não vou entrar! 



Obviamente entramos... Ele sobrevoa a Cordilheira dos Andes e você já começa a fazer teorias sobre o vôo que caiu nos anos 70. "Amiga, você comeria carne de gente pra sobreviver??" Devaneios à parte, o serviço de bordo é ótimo, os comissários são muito atenciosos e eles sabem que você vai querer fotografar a Cordilheira, então eles até te avisam no melhor ponto.



Chegando em Cusco, folhas de coca e vendedores desesperados de tours estarão à sua disposição. Se puder beber um chá de coca e dispensar os vendedores, faça! Detalhes importantes sobre os tours no próximo post.



Não subestime a altitude: você provavelmente vai chegar, sentir que a altitude não fez a menor diferença na sua vida e achar que as pessoas estavam exagerando. Elas não estavam. O mal de altitude (soroche) pode te pegar logo que você chegar, ou horas depois! No caminho, pare numa farmácia e compre o remédio específico (soroche pill). Mesmo que você não se sinta mal em Cusco, lembre-se que o Vale Sagrado é num ponto mais alto ainda, e depois que o soroche bater não fica legal não. Chá de coca ajuda sim e tomar um pouco não vai te fazer nada mal, além de ser de graça (tem no aeroporto, hostels...), recomendo.

Chá de coca e Soroche Pill (foto a internet)


Pegamos um taxi e fomos pro nosso hostel. Chegando la, aquela sensação de que o Peru só melhora a cada dia. Pariwana foi o MELHOR HOSTEL que já fiquei na minha vida, meu Deus, que lugar perfeito, bem pensado, divertido, aconchegante, confortável, extremamente limpo e organizado. Já passei por alguns hostels por aí e nunca vi nada como Pariwana. Ele não é só um hostel, é um centro de vivência incrível! Recomendo fortemente!






Deixamos as malas, conhecemos nossas roomies, que foram outro presente maravilhoso que o Peru nos deu. Vic e Melanie foram as duas pessoas mais incríveis que conhecemos no Peru.


 Vic, Áustria

Melanie, Canada

Saímos para conhecer Cusco e fechar nossos tours. Fechamos todos os tours numa mesma empresa. Como no final das contas, todas as empresas ofertam praticamente os mesmos tours (detalhes no final deste post), não faz muita diferença com quem você fecha e sim o que você fechou. Vou detalhar em cada post o que valeu a pena e o que foi ruim em cada lugar.



 Praça central de Cusco. Lembra muito Ouro Preto.


Parque na praça central. A bandeira de Cusco é parecida com a bandeira do movimento gay, mas não se engane: Cusco não é gay friendly e o Peru é um país ainda muito preconceituoso. 


O post já está longo, então vamos para o próximo! Vale Sagrado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário